Em São Paulo, as servidoras e os servidores da Defensoria Pública conseguiram uma vitória importantíssima na direção da democratização dos órgãos do Sistema de Justiça. Após um grande trabalho da Associação dos Servidores da Defensoria Pública do Estado de São Paulo (ASDPESP), enfrentando inclusive grande resistência da Administração local da DPE e de alguns defensores públicos, as colegas e os colegas conquistaram uma cadeira no Conselho Superior daquela instituição, com direto à voz e à voto.

A luta da ASDPESP começou na metade do ano passado, quando uma emenda foi apresentada a um projeto da Defensoria Pública paulista. Após a aprovação do referido projeto, com a emenda, esse seguiu para apreciação do governador Geraldo Alckmin (PSDB) que, após grande pressão da Administração da DPE/SP, sancionou o projeto e vetou a referida emenda. Na noite de ontem (05/04), a Assembleia Legislativa de São Paulo (ALESP) derrubou o veto do governador e garantiu esse triunfo da pluralidade, sobre os interesses de alguns.

Essa é uma vitória de todas e todos aqueles que acreditam na democracia como um valor inegociável de nossa sociedade. O SINDPERS, que comunga desse valor e o tem como base de suas ações, congratula a ASDPESP, as colegas e os colegas da DPE/SP, e informa a quem possa interessar que atenderá esse chamado para construção de Defensorias Públicas cada vez mais públicas, plurais, democráticas e efetivas!